Segunda-feira, 2 de Fevereiro de 2009

345

A canadiana Feist é uma das minhas cantoras preferidas. Ela canta uma música cujo refrão é "I feel it all... I feel it all...". Hoje eu poderia cantar qualquer coisa como "I blew it all... I blew it all...". Sim, como sou um expert em pessoas, qual freak show das relações pessoais, afugentei a D.. Ontem falávamos de imensas coisas, de entre as quais... relacionamentos. A D. ao dizer-me que já não se acha capaz de sentir nada verdadeiramente forte por alguém, que quer fazer amigos (sem aspas, pois ela referia-se a amigos mesmo) e que o seu ex-namorado, por quem teve a maior paixão, é seu amigo, fizeram-me pensar nas coisas. Afinal, porquê isto tudo? Eu não preciso de amigas, nem de amigos. O que tenho basta-me. Porque se meteu ela comigo, então? Queria um amigo e com tanta gente decidiu tentar com alguém completamente desconhecido? Qual é o sentido? Acresce ainda que lhe disse que quem quiser estar comigo de certeza que não pode manter amizades com "ex". Essa história dos "ex" sempre deram mau resultado. Ainda que as coisas tenham eventualmente acabado, paira sempre uma nuvem muito negra (do ponto de vista da terceira pessoa) em cima dos dois. O ambiente é sempre estranho e eu já passei por essa história dos "ex" serem amigos. Já a conheço de fio a pavio.

Vim a pensar nisto tudo e vim a pensar ainda mais no que a D. me disse: "não te conheço". Porra! A tipa está comigo todos os dias, horas sem conta e "não me conhece"?! Que não me conheça PERFEITAMENTE BEM, entendo, mas "não me conhecer"? Temos passado imenso tempo juntos no último mês e senti várias afinidades entre os dois e certas coisas têm feito com que queira estar ainda mais com ela. Não posso dizer que esteja apaixonado, mas pelo andar da carruagem as coisas vão chegar lá, mais dia, menos dia. Confrontei-a com isto e disse-lhe que como quer amigos, e não acho que estejamos na mesma onda, seria melhor ficarmos por aí porque alguém ia acabar por fazer descarrilar o comboio e antes que isso acontecesse, ao menos mais valia ficar por aqui do que alguém dar-se mal. A sua resposta foi "está bem". Mais ainda fiquei com a certeza que, de facto, estavamos a ficar em ondas diferentes. Por quantos anos iria eu ouvir a conversa "não te conheço bem"? Aposto que os seus ex-namorados (pelo menos alguns) não ouviram a conversa do "vamos com calma", "logo se vê". Porque é que comigo é sempre a mesma história? Comigo é sempre o "calma", "vamos ser amigos". Fartei-me de ouvir isto e assim que ouvi estas coisas perdi a paciência!

Sou um verdadeiro freak show das relações humanas, não nasci para as mesmas, e começo a perceber que afinal a Dr.ª I. (ou só I.) tinha razão: devo mesmo ter nascido para ficar sozinho. Não acerto o compasso com ninguém. Tenho o meu ritmo e as pessoas têm um ritmo especial para mim, é sempre "con dolcezza", mas "tanta dolcezza" que... "vamos ficar amigos"! Fodam-se a "calma", o "vamos ser amigos" e o "não te conheço"! Estou farto! Chamem-me impaciente, desesperado, precipitado, nervoso, louco, o que quiserem! Estou farto desta conversa e de investir em saco roto para ouvir no final um "vamos ser amigos"!!

publicado por diariodeumfrustrado às 19:03
link do post | comentar | favorito
|
11 comentários:
De Tiago a 2 de Fevereiro de 2009 às 20:11
Ola. . Pois bem, eu não te conheço ne ? ( posso dizer isso ja que nem o teu nome sei). E na minha openiao ou a D. tem grave problemas mentais, ou entao es tu que os tens.. O que nao me era grande surpresa , rapazote andas a ver coisas que nao estao la ..
De Isa_ a 2 de Fevereiro de 2009 às 20:22
olá!!!
vamos ser amigos?? :))
De SmS a 2 de Fevereiro de 2009 às 21:21
Calma moço...
Vive um dia de cada vez...sem pensar no de amanhã.
Talvez passe por aí...:)

Kissinhosssssss
De Balzaquiana a 2 de Fevereiro de 2009 às 21:28
Não conheces a expressão "gosto muito de ti mas podemos ser só amigos?"
Pois parece-me ser o caso!
E pode-se perfeitamente ser amigo(a) dum ex sem que daí resulte uma reprise.
Mas pelos vistos vocês realmente estavam em comprimentos de onda diferentes.
Acontece e não é por isso que nunca te vais relacionar com uma mulher. Com "esta" é que não deu.......é tudo uma questão de química.
Ou existe ou não existe.
Mas não desanimes que lá por terem sintonias nalguns aspectos não quer dizer que tivessem que se apaixonar......
Um abraço e não esmoreças que a "tal" vai aparecer.
Como diz o povo "guardado está o bocado para quem o há-de comer".
De bela a 2 de Fevereiro de 2009 às 22:05
bem...tu hoje estas mesmo chateado
mas olha nem tudo é assim tao mau sabes pk ?
pk assim temos te de volta aqui no teu diário :-)
mas já pensaste que alguém pode estar a sofrer por ti e tu ainda nem reparaste ...pois é, ás vezes a nossa felicidade está mesmo ao nosso lado e nem a vemos
fica bem
beijinhos
De Gipsi a 2 de Fevereiro de 2009 às 22:59
Considero-te meu amigo e não te conheço :)
Que mania têm as pessoas de formatar relações, elas dependem sempre de encaixes de personalidades e não são esteriotipadas ... queres um exemplo? sempre que um relacionamento terminava, queria ficar amiga sem conseguir e com num que achei que isso não aconteceria é hoje um grande amigo ... nuvens negras também podem ser dissipadas, tem haver com seguranças, se achas que vale a pena procura a D
Que a força esteja contigo :)
De Marta a 2 de Fevereiro de 2009 às 23:18
Bem isso está mau. Para existir um relacionamento tem de haver uma amizade acho eu. ou então é uma coisa só fisica. Vais ver um dia tropeças em alguem que faça soar o click.

Bjs
De Ana a 3 de Fevereiro de 2009 às 13:43
1 mês chega para conhecer uma pessoa? não me parece. Cada vez mais começo a perceber que o teu problema é mesmo falta de calma... Esse teu medo de ficar "encalhado" destroi qualquer relação que possas vir a ter... Esperas demasiado do lado feminino, e não levas as coisas num "está se bem". Tudo pra ti é uma tempestade, o pior é que são sempre em copos de água... Tens de ter mais calma com as relações.

Em relação a ela querer amigos, já pensaste que pode não ter nenhum? Eu por exemplo, já tentei fazer amigos que não conhecia de lado nenhum, visto que os poucos que tenho têm vidas diferentes da minha e acaba por ser dificil conciliar horários, gostos...

Enfim... Pra não variar, estou cá eu para te dar um "estalo" :P

*moo
De Cristóvão a 3 de Fevereiro de 2009 às 15:43
E se bebesses uns copos e relax?
Hein, Rodrigo que tal?
Não pensar em mulheres durante uns tempos (1 semana).
1 Abraço

De Fada a 3 de Fevereiro de 2009 às 20:33
" Boa noite " Meu Homem Mistério "

Que saudades... Até pensei que tivesses morrido caramba tens a certeza que não queres casar comigo?

Ia muito bem viver para a capital acredita que ia ..

Porque é que não tentas esquecer um pouco todo o passado mete tudo para traz a serio esquece isso por uns dias , vive normal não penses em nada , tenta mudar um pouco se não fores tu a mudar ninguém o faz por ti , esquece as mulheres por uns tempos , tenta sair um pouco apanha outros ares sei là faz algo diferente da tua rotina olha vem até cà lol pk não !!!!!Espero mesmo que te sintas bem contigo mesmo , va fica bem tenho saudades tuas beijo doce "

Fada

Comentar post

Eu

pesquisar

 

Setembro 2015

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
16
17
18
19
20
21
22
23
24
26
27
28
29
30

Recente

438

437

436

435

434

433

432

431

430

429

Lágrimas passadas

Setembro 2015

Dezembro 2013

Agosto 2013

Junho 2013

Maio 2013

Março 2013

Janeiro 2013

Março 2011

Fevereiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

tags

todas as tags

blogs SAPO

subscrever feeds